Travessia Lençóis-Jeri: em Jeri com Gira Mundo

jeri3.jpg

Em Jeri, ninguém precisa ter compromisso nem programa obrigatório, o mais gostoso é ficar pela vila mesmo e ir até a praia. Você não perderá o melhor da festa se não fizer nenhum passeio fora da vila.

Quando ir:

O segundo semestre é o verão para quem está no litoral de Fortaleza à Belém. Bem mais seco. De qualquer forma, o ano todo terá tempo bom pois, quando chove, passa bem rápido.
Mais fácil é dizer quando não ir. A regra fundamental para ir e gostar de Jeri é não ir durante nenhum feriado. Fuja deles. Nos feriados, fica cheio demais, a galera de Teresina e Fortaleza invade Jeri, o pessoal abusa e vai de carro até a vila. Acaba com qualquer clima de férias.

Até 3 dias inteiros:

• Não gaste dinheiro com buggys, nem troque uma manhã inteira de praia para ir a algum lugar longe. Fique apenas entre a vila e a praia e cumpra o ritual diário de subir na duna para ver o por do sol.

Mais de 3 dias inteiros. Já dá para acrescentar algumas coisas bem legais:

• Lagoa Paraíso e Lagoa Azul: que podem ser a mesma dependendo da quantidade de chuvas que estiver caindo na temporada;

• Tatajuba: não é perto! O buggy é caro! Programa para quem gosta de andar de buggy beirando o mar. É uma vila de pescadores junto ao riacho bacana e muitas dunas a 30km de Jeri em direção à Camocim. Na verdade, é uma nova vila, pois a anterior foi soterrada pelas dunas.

• Pedra Furada: Não deixe de contratar um guia que leve água e que vá te indicando o melhor caminho. Pela praia na maré baixa e pelo Serrote (bacana, mas mais cansativo) na maré alta. Não esqueça de deixar uma boa caixinha para ele, o trabalho que ele faz não existe em lugar nenhum desse mundo. Todos os guias que vi merecem. Veja este link que o Ricardo Freire fez sobre os guias frigobar de Jeri.

jeri1.jpg

Roteiro gastronômico:

Naturalmente: talvez o melhor crepe do Brasil! É uma unanimidade! Fica na beira da praia. Ótimo lugar para jantar. Foi aqui que fomos “apresentados” ao som do Renato Braz. Combina bem com o lugar.

• Chocolate: bem pequeno, todo aberto, parece que fica até no meio fio da Rua do Forró. A Patrícia Maia ou Paty Gateau é a chef do restaurante. Ela já morou e trabalhou mundo afora, mas foi em Jeri que se radicou. A sobremesa (petit gateau) que lhe garantiu o apelido é famosa, mas gostamos mesmo foi das entradas.

• Carcará: o mais simpático. Fica quase no fim da vila, também na Rua do Forró. Comida regional. O prato “arrumadinho” que leva arroz de leite é dos mais pedidos. Eu não deixaria Jeri sem passar lá.

Pizza Nômade: na Rua da Farmácia, a uma quadra da praia. As pizzas são muito boas e criativas com abobrinha, queijo tipo polengui, frutas, etc. É bacana para variar. Se paulistano gosta, todos vão gostar.

Hospedagem:

Vila Kalango: Se eu fosse você e tivesse uma graninha extra, não iria a outro lugar. Melhor hospedagem da vila.

Mosquito Blue: “De bacana”. Não é barata, mas se a Kalango tiver lotada, fique aqui. Só peça para ficar no piso superior para ter mais privacidade.

Pousada do Serrote: Muito boa opção fora do agito, é nova e anda bem indicada. Custo bom.

Pousada Jeribá: Na praia, está no nível de preço intermediário;

Pousada Recanto do Barão: Onde nos hospedamos na última vez. O casal Pastel (Wila e Déa) é que nos indicaram lá. Pegamos uma ótima tarifa. É muito bem arrumado, ótimo café da manhã, recomendo você ficar no quarto 17, pois é aonde você não vai ouvir nada do forró que acontece bem em frente. A Bárbara é a gerente do lugar e é uma figura. Ótimo lugar para se hospedar sozinho. A Bárbara conhece todo mundo e deixa todo mundo à vontade.

jeri2.jpg

Como chegar:

Viação Redenção: é a forma mais barata e tranqüila de chegar. Os ônibus saem de Fortaleza da Beira Mar e da Rodoviária e seguem para Jijoca de Jericoacoara onde rola uma rápida conexão. Quem está vindo de Fortaleza, sobe na jardineira e quem está voltando de Jeri, sobe para o ônibus. Funciona que é maravilha. O ônibus é novo e muito confortável no horário noturno. Você vai dormir a viagem inteira. Leve um agasalho.
• O trecho de jardineira já foi bem mais interessante quando seguia pelas dunas, mas em nome da preservação da natureza, agora ela segue pela praia no Preá. Eu penso que o trecho de jardineira serve para você entrar no clima de Jeri, é como se você deixasse tudo para trás.
• Já ouvi de quem fez a viagem até Fortaleza de 4×4 e achou caro e roubada. Vai todo mundo espremido no Land Rover. Pelas praias também é furada se você não tiver ao menos 3 dias para parar e curtir. Ninguém merece ficar o dia inteiro rodando pela praia espremido num Land Rover.
• Não cometa o pecado de ir de carro até Jeri. Os “pilotos” garantem que é fácil, mas você não sabe como corta o clima ver um carro estacionado no meio da vila. O carro não serve para nada lá e só dá trabalho.
• Acredite em mim, o ônibus é o mais fácil, confortável e barato meio de chegar a Jeri.

Veja também estes links que contam toda a travessia desde São Luís:

Da Ilha do Caju à Jeri, via Parnaíba;
A Ilha do Caju
De Caburé à Ilha do Caju
De São Luís à Caburé

10 Respostas para “Travessia Lençóis-Jeri: em Jeri com Gira Mundo

  1. Sabes, Jorge este viaje que has hecho lo tenía planeado yo casi igual. Pero desistí de hacerlo por las fechas .
    Cuando empecé a planear el viaje era el mes de marzo y los aviones ya estaban llenos para Fortaleza em os meses de Julio y Agosto. Allí en Jericoacoara Julio y Agosto es temporada altíssima para los europeos.
    Pero estoy segura que algún día haré este viaje y para isso consultaré o seu blog.
    Beijos a la “family”.

  2. Oi, Jorge
    Estamos nos inspirando nas suas dicas para fazer a viagem de São Luis a Fortaleza em julho. Contatamos a Ecodunas , eles pareceram muito solícitos. Pensamos em fazer o roteiro com eles , o que você acha?
    Obrigada pelas dicas
    abraços
    Marcia

  3. Carmen,

    Eu fiz a viagem em Maio e quase não havia brasileiros no trajeto. Quase todos os que encontrávamos eram europeus, especialmente ingleses e portugueses. Tenho certeza de que vc adoraria tudo! Acho que ainda não será nesta sua próxima visita ao Brasil, mas quem sabe mais uma no futuro, hein?

    Marcia,

    Obrigado pela visita. Olha, a Ecodunas foi exemplar conosco, 100% em tudo. Foi curioso que eu conheci a mãe do Joca da Ecodunas num stand do Salão do Turismo em SP, no Anhembi, semanas depois da viagem que fiz. Eles estavam promovendo exatamente este roteiro que eu fiz. Vai fundo que vc vai gostar!

  4. Caramba, Jorge! Muito bacana o Blog! Valeu por ter aparecido no meu e obrigada pelo comentário. Vc tem toda a razão. Cada um na sua na hora de viajar, mas seguirei firme na missão de transformar turistas malucos em slow travellers.

  5. Jorge, acabei de conhecer seu blog. Adorei. Escrever sobre viagem é uma das coisas que mais me dão prazer na vida. Visite meu blog quando puder. Um beijo, Leticia

  6. Meu, essas tuas fotos parecem cartão postal…

    Tá lindo demais!

    Um grande abraço, Diogo.

  7. jorge, muito obrigada mesmo, estamos felicíssimos com a viagem, depois eu conto…
    abraços
    marcia

  8. Dri Setti, Leticia, eu já andei navegando o blog de vcs. Vou voltar lá para dar uma olhada. Obrigado pela visita. Apareçam!

    Marcia, vou ficar esperando. Tomara que vcs gostem….

    Diogo, esse já é freguês aqui do blog. Valeu. Estou indo daqui a pouco lá no restaurante natural que te falei. Vou preparar o meu material para te enviar. Um abraço a todos,

    Jorge

  9. BOa tarde, por favour ,pode collocar a mea pousada ,na lista de onde ficar da tua guia? Voce esta convidado a passar um dia na pousada maxitalia a jericoacoara. Ciao obrigado.Max

  10. Olá Massimo, obrigado por visitar meu blog.
    Visitei o seu site e parece que você tem uma pousada bem legal, mas não posso colocar aqui pois ainda não conheço. Apesar de ter gostado muito da sua abordagem e das fotos do site.

    Apesar do número crescente de visitas que recebo aqui diariamente (muito mais do que eu poderia prever…), este blog é bem pessoal e é um hobby, então não posso me comprometer a “divulgar” a sua pousada.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s