Passeio de bebê = passeio de adulto! E vice-versa.

Pela inclusão dos bebês na vida social dos pais, eu reitero: para os bebês, o que importa é estar com os pais!

Basta alguma adaptação e pronto, todo bom programa de viagem é um bom programa para a família toda!

É só dar uma olhada…

Nos restaurantes, sempre tem espaço para os pequenos!

Mas se houver alguma emergência, basta correr no drive-thru para bebês!

A regra é: cada um na sua e todos no mesmo programa.
(Mais um pouquinho que o papai e a mamãe bebessem no Reveillon e a Clara trocaria a mamadeira pelo espumante!)

Algumas vezes, são os filhos que levam os pais para passear de carrinho.

Bebês adoram ver os peixes!

Papais adoram aquários!

E as pequenas surpresas são inesquecíveis para os dois!
“Papai, acho que vi um tubarãozinho!”

No Museu dos Coches, todo mundo se diverte!

E o Cadillac da Clara é bem mais bacana…

Com um nome desse, dá até pra pensar em levar o bebê para o bar, mas só se for pra tomar uma bica!
:) :)

About these ads

42 Respostas para “Passeio de bebê = passeio de adulto! E vice-versa.

  1. Oi, família Gira Mundo! Já tem um tempo que leio o blog de vocês e sou muito fã. Quando a minha filha nascer, pretendo fazer o que vocês fazem com a Clara: levá-la para todos os lados! :-)))
    Como sei que vocês viajam bastante e eu já estou na fase de ter que me decidir por qual carrinho de bebê comprar, eu queria pedir a opinião de vocês. Eu não consegui identificar este da Clara. O que vocês acham? Ele é leve e prático de levar nas viagens? Eu preciso de um assim, que eu possa levar pra todo lado, mesmo viajando sozinha com minha filha… se vocês puderem me dar alguma dica, agreço muito!
    Ps.: Adorei o drive-thru para bebês! Onde vocês viram esta maravilha? :-))) Aqui na Argentina não tem essas papinhas da Nestlé. Já me disseram que, se procuramos muito, encontramos as de frutas, mas as salgadas não tem mesmo não. :-(
    []‘s

  2. Mais uma vez venho aqui e assino embaixo! Ótimo Jorge. Esse drive-thru é demais mesmo. Não conhecia. Coisa de lugar em que viajar com os “miúdos” é comum! (Certa vez em Gramado não encontrei sequer NAN!)

    Chris, nossa não tem papinha pronta aí não? Depois de ver tudo o que tem na Europa dá vontade de chorar com o que temos aqui no Brasil. Ainda bem que já estamos quase no fim da fase das papinhas, aos poucos já estamos dando comida de restaurante pra Isabella!

  3. Nossa, Luciano! Se você acha que no Brasil tem pouca coisa, imagina aqui na Argentina. :-)))
    Outro dia fui ao Jumbo e quando vi alguns produtos Sadia quase chorei de emoção! Já vendem os nuggets e peitos de frango empanados… agora sonho com as lasanhas congeladas. :-)))) Aqui não tem comida congelada direito. Tem umas 2 marcas mas a gente tem que colocar o saquinha na água quente. Não é no microondas… e é horrível. Não dá pra comer.
    Também é difícil encontrar frutas e verduras frescas… elas sempre estão feias e murchas e custam caro. Pra quem estava acostumado a ter tudo fresquinho e barato no Brasil, é muito sofrimento. :-)))) Talvez quem tenha a sorte de viver perto de uma feira seja mais fácil… mas eu não tenho esta sorte. :-(
    Que delícia deve ser essa fase do bebê começar a comer comidas… e que alívio deve ser quando já começam a comer igual aos adultos, né? :-)))

  4. Jorge!
    Foi muito legal te conhecer pessoalmente… brigadão pela presença e por toda a força!
    Um grande beijo

  5. Jorge, obrigada pelo novo post! como comentei, estávamos com saudades! rs,rs…
    Esse post veio a calhar!! Em 15 dias estamos partindo pra Suíça com nossa pequena Rafaela, que completa 17 meses hoje. Adivihem nossa programação inicial em Zurich? Zôo pela manhã e uma cervejaria na Bahnhof para papai e mamãe à tarde. Todo mundo se diverte junto!!
    Parabéns pelas viagens e um abraço!

  6. Chris Pessoa, eu não sabia que você terá uma linda menina! Parabéns. Olha, qualquer carrinho é carrinho, não precisa gastar muito, não. Esse da Clara é bem simples. É importante que no começo o carrinho tenha um encosto que desça para se transformar num berço para o bebê, já que os pequenininhos dormem e acordam a toda hora. Depois, (mas nós ainda não compramos um novo), o melhor é comprar um pequeno, tipo guarda-chuva que você possa usar para passeios, mas demora um pouco ainda para isso. Eu vi que nos EUA eles têm um carrinho de bebê que se transforma em assento de bebê para carro, para avião e num mini-cadeirão. Parece bem legal, mas meio caro e difícil de achar.

    Essa máquina de papinhas foi vista em Lisboa, no Shopping Vasco da Gama. Adorei, mas não comprei nada porque a gente já tinha um bom estoque e voltaríamos pra casa logo, mas achei demais.

    Luciano, a minha “luta” é essa mesmo. Desmistificar esse negócio de achar que bebê impede alguma coisa na vida das pessoas. Brasileiros são muito exagerados com as crianças.

    Patrícia Belotti, eu é que te digo obrigadão pelo convite. Eu adorei o evento e foi um prazer conhecê-los também.

  7. Obrigada! Estou muito feliz! :-)
    Quanto ao carrinho, obrigada pelas dicas. O quesito “peso” me preocupa muito pois vou andar muito sozinha de táxi com ela e vou ter que carregar bastante o carrinho. Fora as viagens… Várias amigas me falaram para comprar o Maclaren pois a maioria delas comprou outro e depois se arrependeu e acabou comprando depois. Eu andei dando uma olhada e ele é bem mais caro que os outros… mas, enfim, vou me decidir na hora. :-)))
    []‘s

  8. Chris Pessoa, para deslocamentos em que você estará sozinha com a bebê, considere usar um canguru. Eu e a Clara adoramos e você fica com as duas mãos livres.

  9. Opa! Acabei de colcoar o canguru na lista! :-))) Valeu pela dica…

  10. Crece a blogosfera mas meninos, please.
    Parabéns

  11. JB, tá no ar o nosso post no La Casserole 8-)

    Abração!

  12. Obrigada, Carmen! Hehe… eu confesso que eu sempre sonhei com um menino primeiro e depois uma menina, mas a família toda estava torcendo tanto por uma menina, que eles acabaram ganhando. :-))) E a verdade é que não importa. Tudo o que a gente quer é que o bebê tenha saúde, o resto é insignificante.

  13. Jorge, como sempre você e sua linda família são uma inspiração para a gente!
    Queria te contar que minha viagem em setembro com meu marido, filhote (Adriano) e meus pais está praticamente fechada!
    Espero poder encontrar essa maquininha de papinhas na Fraça e na Espanha, será que tem?

  14. Daniele, que legal! Obrigado. Espero que façam uma ótima viagem! Se você nao encontrar estas máquinas na Espanha e na França, tenho certeza de que encontrarao ótimas papinhas, sopas e etc em qualquer lugar. Nao é difícil. Boa viagem.

  15. Carmen, aqui no Brasil, especialmente em SP, eu vivo falando que só tem nascido meninas!

  16. Jorge, até eu que não sou mãe estou na batalha pela desmistificação… Sabe que a minha irmã está receosa de levar o meu sobrinho pra Buenos Aires em julho? Está preocupada com o frio, com a comida, com sabe-se lá mais o quê… E ele já tem 5 anos, veja só… :P

  17. Jorge,

    Adorei a parte do aquário. Eu tbm adoro!!

    Abração pro casal!!

    Marcio

  18. Muito bom esse blog! Bem-escrito, bem-humorado…E tranquilizador. Tenho uma filha de 2 meses e estava procurando no Google lugares para ir com bebês quando caí aqui. Em setembro meu marido e eu vamos tirar férias e pretendemos viajar com ela. Não sei se vamos ser corajosos como vocês, mas com certeza a postura light sem deixar a responsabilidade de lado me inspirou bastante, Parabéns!

  19. Carla, é difícil isso, né? Mas tem que deixá-la ganhar confiança sozinha, nesses casos, eu já dou um choque: “melhor não ir mesmo, se isso é problema pra você, haverá muitos outros piores que esse lá e você vai detestar a viagem”. Suspeito que na maioria dos casos como o da sua irmã, o problema não é a criança de 3 meses ou 5 anos, mas o receio de fazer viagens “independentes”, com ou sem criança. O filho vira só desculpa. Nesses casos, eu nem insisto porque qualquer probleminha acabará com a viagem da pessoa. Acho que minha contribuição é tentar ajudar aqueles que gostam e querem mesmo viajar, mas não estão muito certos de como fazer.

  20. Olá, Márcio, estou te devendo uma visita. Cheguei ontem de viagem. Estou me atualizando aqui. Um abração pra vocês também.

  21. Rachel,

    Obrigadão, é esse mesmo o espírito do blog. Se quiser alguma ajuda, deixe um comentário aqui.

  22. Maria Fernanda, vocês devem estar na Europa agora, o seu comentário ficou preso desde o dia 07/05 no anti spam por algum motivo e só hoje que estou atualizando tudo aqui (também estava de férias) é que vi. Boa viagem e não deixe de comentar no retorno.

  23. Oi, encontrei seu blog e adorei!!
    Tenho um bebê de 2 meses, e estou programando uma viagem de SP para Fortaleza com ele… me indicaram voar com ele no canguru, agarradinho a mim.
    O que vc acha, ja teve essa experiência ou ela sempre usou o bercinho nos vôos??

  24. Ei, Jorge! Apesar de nao comentar nunca, sempre passo no Ricardo Freire pra ler as novidades. Foi por meio do site dele que acabei chegando aqui. Muito bom o seu blog e muito fofa a sua Clara. :-) Eu amei as fotos do aquario. Sera que voce poderia me dizer qual camera voce usa? Sei que na maior parte das vezes o merito eh do fotografo, mas o equipamente deve ajudar tambem, ne?
    Obrigada!

  25. oi Jorge,
    obrigada! em setembro minha filha vai estar com pouco mais de 5 meses. A pediatra dela, que é bem liberal, até incentivou uma viagem pela Europa com a bebê, a bordo de um canguru. Disse que, de acordo com meu perfil e o de meu marido, talvez não gostássemos de um resort, e ela tem razão.
    Vi que vocês planejaram bastante cada passeio, não é? Teriam dicas de circuitos e hotéis legais para ficar com bebês? Tipo, os que deram mais certo pra vocês (no Brasil ou exterior).
    Parabéns de novo pelo blog! Passei esse endereço pra todos os amigos com bebe em casa (alguns ainda na barriga)
    abs

  26. Olá Jorge e a todos que lêem o seu blog fantástico!
    Entrei aqui quando planejávamos uma viagem com nossa pequena de 6 meses, a Fernanda.
    Adorei os comentários e as dicas, que foram bastante úteis pra nós.
    Fomos pra Argentina. Passamos alguns dias em Buenos Aires e outros em Bariloche. Fiquei impressionada com a reação das pessoas quando contávamos que faríamos essa viagem com nossa bebê: “Nossa, mas pra um lugar tão frio?? Será que vcs deveriam fazer isso??”. Como se não nascessem bebês em lugares tão ou mais frios como Bariloche no inverno.
    A viagem foi super tranquila, a Fernanda se comportou muito bem e conseguimos fazer vários programas. Obviamente, é um esquema diferente de viajar só o casal, porém tão legal quanto.
    Achei engraçado as observações da Chris Pessoa sobre a falta de coisas na Argentina!! Ri muito!!
    É bem verdade, mas não sabia que era uma coisa regular. Achei que fosse só momentânea e por causa das greves. Não encontrava papinhas em nenhum supermercado, tivemos até que comprar um liquidificador pra fazer as papinhas. Mas no final tudo dá certo se temos paciência, cabeça fria e bom humor.
    Um grande abraço a todos e prazer em conhecê-los.

  27. Oi, Jorge! Parabéns pelo blog! Fantástico!
    Vou viajar em setembro com minha mulher e a filhinha de 5 meses. Ela é meio braba, de vez em quando dá umas choradas puxadas. Nós estamos com muita vontade de ir para Provence, quem sabe ficar no Les Mas des Etoliles. Você acha que podemos curtir a Provence com um bebê ou é melhor procurar outro destino? Será que vão se sentir incomodados se ela chorar? Devemos preferir hotéis maiores?
    Obrigado antecipadamente!
    Pai ansioso para viajar e mostrar o mundo ao rebento

  28. MARCUS VINICIUS NUNES TENORIO

    Oi pessoal, quero dar os parabéns ao site de vocês, realmente de muito bom gosto. Em relação a viajar com os pequenos, desde os 4 meses que a nossa pequena Sofia nos acompanha nas nossas viagens, com 11 meses ela foi para Orlando conosco, e vou te falr, foi uma das melhores viagens da nossa vida, basta apenas se planejar.

    Um abraço.

  29. Alan, desculpe a demora para responder, mas acho que hotéis pequenos são melhores para viajar com bebê. Fica um clima mais íntimo entre os hóspedes e os donos o que facilita se o bebê dá um show de choro. O quarto dos anjos no Le Mas é perfeito pois fica isolado da casa principal o que ajuda na acústica do choro! Vá em frente.

  30. Adorei esse blog. Tenho um bebê de 5 meses e já viajamos 4vezes. Todas de carro. Na primeira viagem o pequeno Matheus Vicent tinha apenas 2 meses e eu me senti um veradeiro caracol – levei a casa nas costas. Depois ,vi que poderia simplificar . Suas dicas aqui são ótimas.
    Tudo de bom para vc e toda a sua família.

  31. OLá Jorge,

    Gostaria de saber se há interesse em trocar link!! Lindos fotos aqui com informações úteis e diversificadas…

    Portal Meio Aéreo

  32. Saldações Jorge!

    Tenho que dizer, seu blog é fantastico, acabei de recomenda-lo a uma colega minha que acaba de ter bebe, ela é fascinada por viagens, eu sou “administrador de viagens” e já programei diversas pra ela, só que com a chegada do bebe ela teme perder a tal ” liberdade ” que ela tanto preza, eu disse que não e mostrei seu blog a ela, resultado, seu blog foi um ótimo argumento para que eu mudasse o conceito dela sobre viagens com bbs, isso me deu uma ideia.
    Ficaria feliz em colocar link do seu blog no meu, http://www.admviagens.com.br, e gostaria de ter também meu link aqui também.

    Sem, mais, estou a disposição para maiores informações.

    Grade abraço, fica na paz

  33. Sempre que organizo minhas viagens digo aos meus agentes da Royal Holiday das preferencias de minhas crianças e com isso ja é suficiente.

    Excelente Post. Valeu!

    http://www.brasildestino.wordpress.com

  34. Não li tudo, mas adorei o que vi. Especialmente o comentário sobre incluir o filho na vida dos pais.
    Eu e meu marido viajavamos mto antes da Catharina nascer. Depois diminuiu um pouco, tb por conta do trabalho. Fui a Natal com ela e me chamaram de doida. Agora quero ir a Buenos Aires. Que dicas voce pode me dar?
    muito obrigada e um abração

  35. oi Jorge! adoro teu blog, inclusive tem um link para ele lá no meu, e gostaria de saber se tu conheces outros blogs direcionados ao pessoal q viaja com bebês/crianças??? abraço, Claudia

  36. Oi Jorge,
    Foi através do Ric Freire que cheguei aqui e realmente, o seu blog esta muito bacana, c/ fotos lindas, dicas e muita sensibilidade. Fora que é sempre gostoso ler a versão do Pai. Fiz um link para vcs!
    Bjs e parabéns. Sut-Mie

  37. Pingback: Lisboa com crianças: dicas e roteiros para a família « Viajando com Pimpolhos

  38. Olá família! Parabéns pelo blog. Estamos acompanhando e pegando dicas ótimas! Estivemos em Lisboa recentemente e também levamos nossa pequena Melanie, de 8 meses, no oceanário, ela ficou doida! hehehe! Também montamos um blog contando nossas peripécias. Um grande abraço para todos, sucesso.

    melnaestrada.blogspot.com

  39. Ahh, ainda n escrevi sobre esta etapa da viagem, assim que chegar lá, colocarei o link daki! Abraço!

  40. compre desse site http://www.mercadozets.com.br/ e gostei o site entrega rapido e com nota fiscal e garantia

    tem berço eletronicos celulares tv notebook computador acessorios para carros brinquedos artigos infantis e muito mais

    … tem mais de 2000 produtos
    … … … … .
    CARRINHO BERÇO PARA BEBE

    http://www.mercadozets.com.br/ListaProdutos.asp?texto=Carrinho+Ber%E7o&IDCategoria=110

    artigos para bebe/infantil
    http://www.mercadozets.com.br/ListaProdutos.asp?idCategoria=110

  41. Pingback: Dos tipos de viagem - Uma Malla Pelo Mundo

  42. Pingback: Lisboa com crianças: dicas e roteiros para a família | Viajando com Pimpolhos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s