Arquivo da categoria: Companhias aéreas

Conexões TAP Portugal: use com moderação

tap_aviao.gif
foto extraída deste endereço.

Para voar e ser feliz com a companhia que oferece o maior número e a mais variada oferta de vôos entre o Brasil e a Europa é preciso conhecer alguns truques.

Das minhas duas experiências em menos de um ano com a TAP, de conversas com funcionários durante os vôos e em terra e lendo outros relatos de passageiros, eu aprendi que:

• Ao voar TAP para destinos além Portugal é sempre recomendável optar por uma parada em Lisboa (ou Porto, conforme o caso) do que por uma conexão direta, a companhia de bandeira portuguesa não é das mais pontuais. Horário de partida para a TAP serve apenas como indicação 🙂 .

• Se não houver intenção de parada em Portugal, ao fazer a reserva, confira o horário da próxima conexão e se não houver um próximo vôo num intervalo razoável, considere voar com outra companhia.

• Perdem-se mais conexões os passageiros no sentido Brasil-Europa do que no sentido inverso. A razão é simples. A TAP costuma segurar em Lisboa os vôos com destino ao Brasil até que todos os passageiros procedentes de outros destinos na Europa cheguem, pois normalmente há apenas um vôo por dia para cada destino brasileiro.

• Os aviões da TAP permanecem em terra no Brasil pelo mínimo tempo necessário, normalmente umas 2 horas. Um atraso na partida de Lisboa acarreta num atraso na decolagem do Brasil de volta a Portugal. São os passageiros desses vôos que mais perdem conexões em Lisboa.

• Para completar, o aeroporto da Portela em Lisboa é muito desconfortável para operar o hub que a TAP deseja oferecer. Deve ser dos piores de toda a Europa Ocidental. Quase não há fingers, a maior parte das conexões é feita em ônibus. Como se já não bastasse isso tudo, os funcionários de terra da Groundforce são de uma rispidez e falta de atenção nada comuns em Portugal.

• Ainda assim, os aviões são bem equipados e a tripulação muito atenciosa. Sabendo o que esperar e preparado para estes imprevistos quase previsíveis, vale a pena voar com a TAP se o destino for Portugal ou se a cidade de partida não for atendida pela concorrência, como Brasília, Belo Horizonte e as capitais nordestinas.

Passar em Portugal apenas para conexão é correr um risco muito grande de ficar com uma primeira impressão totalmente infundada de um país tão interessante e simpático.